1.31.2009

Pardais 1 - 2 S. Pedrense

Num jogo que se adivinhava difícil conseguimos trazer a vitória.
Estivemos a perder um zero e a jogar contra nove, não foi fácil vencermos mas felizmente conseguimos dar a volta ao marcador, e dar o resultado justo num jogo que teve muito tempo parado.
Iniciamos um jogo ao nosso nível, de grande qualidade e a equipa dos Pardais não conseguia sair da sua defesa, mas aos 20 minutos começamos a acusar algum nervosismo, e a jogar mal, a equipa dos Pardais na primeira vez que foi à nossa baliza faz o golo, depois alguma desconcentração na equipa adversária levou à expulsão de 2 jogadores, mesmo assim não se notava a diferença, porque nós jogávamos com alguma ansiedade para a baliza adversária. Na segunda parte entramos de forma um pouco diferente a assentar o jogo e a equipa dos Pardais só num ou outro lance conseguia passar o nosso meio campo, mas o jogo corria e o golo teimava em aparecer, José Dionísio bate na poste, Ricardo Magro bate na trave, e Paulo Cascalho falha de cabeça mesmo na frente da baliza, no entanto começam as substituições e José Joaquim (novo reforço) acabado de entrar domina a bola a entrada da área e bate logo sem que o guarda redes estivesse preparado e faz o golo, o jogo caminhava para o fim e nós sempre em cima da baliza à procura do golo da vitória, que apareceu quase no final num cruzamento em o guarda redes falha e José Dionísio empurra a bola para dentro da baliza adversária, estava feito o golo da vitória.
Parabéns à equipa dos Pardais que mesmo a jogar com nove nunca baixou os braços e mostrou ser uma equipa de raça.

Equipa: Barbosa, Bruno Boieiro, Ricardo Correia, Paulo Murcela e Frederico Campos, Paulo Cascalho(C), Jorge Correia, Ricardo Magro, Paulo Lopes, José Fialho e José Dionísio
Entraram ainda: José Joaquim e Mário Alves
Ficaram no banco: Miguel Cristo e Roberto Álvaro
Treinador: António Manuel Álvaro

1.26.2009

S. Pedrense 2 - 0 S. Domingos

Grande exibição da equipa do S. Pedrense, a provar que mesmo com algumas baixas, somos uma equipa consistente, e que ao contrário de outras temos soluções crediveis para a equipa.
José Dionisio e Jorge Correia foram os marcadores dos dois golos.

Equipa: Barbosa, Bruno Boieiro, Ricardo Correia, Paulo Murcela e Frederico Campos, Paulo Cascalho(C), Jorge Correia, Ricardo Magro, Paulo Lopes, José Dionisio e Mário Alves
Entraram ainda: Telmo Sequeira, Miguel Cristo e Roberto Álvaro
Ficaram no banco: José Maria Aviz
Treinador: António Manuel Álvaro

1.18.2009

Pardais 1 - 2 S. Pedrense

Num jogo vergonhoso, fomos Heróis!
Num Jogo em que remamos contra a maré, só posso dizer isto. Se fosse adiantar muito mais não tinha espaço neste blog.
É vergonhoso estes árbitros gozarem com quem anda para se divertir, mas sempre pensando em ganhar como é óbvio, e este senhor dos Pardais, goza com todos os que vão jogar a casa dele.
Depois alguém dos Pardais parece-lhe mal, quando o Bento Varela presidente da Graça do Divor, de livre e espontânea vontade fazia os comentários para o Jornal Diário do Sul, dizia que era uma surpresa os Pardais ganharem a uma outra equipa, pois agora nós dizemos que é realmente uma surpresa ganharam a alguém, e atenção que até podemos perder já daqui por 15 dias para a taça novamente nos Pardais, mas não deixa de ser surpresa se isso acontecer, porque com o que se passou ontem não conseguirem nem sequer empatar, vai ser de certeza uma surpresa.
Peço desculpa se estou a ofender a equipa dos Pardais, que podem até nem ter culpa, sei que o árbitro é muito fraco, mas existir problemas sempre nos Pardais, e sempre com o árbitro da casa é estranho.

Mas agora em relação ao jogo, dominamos o jogo complemente, marcamos dois belíssimos golos por Ricardo Magro, e o 2º por Fernando Lourenço, tivemos duas expulsões Ricardo Pereira na primeira parte em mútua agressão, e Jaime Correia já no final, aparentemente por bocas dirigidas ao árbitro, uma grande penalidade nos olhos do árbitro quase a terminar o encontro, poderia ter dado o empate, falharam com uma grande defesa do Barbosa, e mesmo na recarga o jogador da marcação achou que o brinde era grande demais remata ao lado com Barbosa no chão e a baliza totalmente aberta.
Equipa: Barbosa, Paulo Lopes, Ricardo Correia, Paulo Murcela e Ricardo Pereira, Jaime Correia, Paulo Cascalho(C), e Jorge Correia, Fernando Lourenço, Ricardo Magro e José Fialho.
Entraram ainda: Bruno Boieiro, José Dionísio, António Ribeiro e Frederico
Ficaram no banco: Mário Alves e Beto
Treinador: António Manuel Álvaro

1.11.2009

G.D-S. Pedrense 3-2 Stº Ant. Baldios


Num jogo em que a equipa da casa foi sempre superior aos forasteiros, estivemos a vencer por três a zero, e acabamos 3-2.

Na primeira parte o S. Pedrense faz o 1-0 por Fialho, numa grande colocação de Jaime Correia onde a bola sobrevoa toda a defesa e nas costas aparece Fialho que faz o primeiro, com o jogo bastante controlado, os adversários só em alguns lances em profundidade chegavam, mas a bola não saía da defesa dos Baldios e sem grande admiração num canto muito bem batido por José Dionísio, Paulo Lopes faz o desvio de cabeça para o 2-0.

Na segunda parte não se alterou a tendência, e em mais um canto em que houve alguma confusão dentro da área, aparece Fernando Lourenço e de cabeça faz o terceiro, depois com as substituições o jogo mudou e os Baldios subiram no terreno e ainda chegaram ao 3-2, resultado que já nos estava a assustar, Paulo Murcela teve tempo ainda para falhar uma grande penalidade.


Equipa: Barbosa, Paulo Lopes, Paulo Murcela, Ricardo Correia, Ricardo Pereira, Paulo Cascalho(C), Jorge Correia, Jaime Correia, Fernando Lourenço, Fialho e José Dionísio.
Entraram ainda: Telmo Sequeira, Mário, Bruno e Frederico
Ficaram no Banco: José Maria, Beto e António Ribeiro
Treinador: António Manuel Álvaro

1.01.2009

Bom Ano 2009, Acompanhado de Grandes Vitórias, são os votos do G.D.S. Pedrense

Resumo do Jogo